Inhotim: museu a céu aberto

Inhotim: museu a céu aberto

Há algum tempo Belo Horizonte divide a atenção dos turistas com o Instituto Inhotim. Visitar a capital mineira sem cogitar ao menos um dia em um dos mais espetaculares museus de arte contemporânea do mundo se torna cada dia mais impensável. É hora de abrir os olhos para o maravilhoso espaço do Inhotim, que agrada não só pelas galerias e instalações de arte contemporânea, mas também pela espetacular área verde e jardins que fazem dele um lugar único. É espaço para respirar arte e ar puro em meio às encantadoras paisagens de Brumadinho. Certamente uma dica imperdível para quem está passeando por Minas Gerais. Chegar ao Inhotim não é difícil, os preços são acessíveis, os restaurantes são ótimos e você sairá de lá com a certeza de querer voltar muitas vezes. Afinal, é impossível visitar tudo em um só dia!

O Instituto Inhotim é um mix de museu de arte contemporânea e jardim botânico. Um espaço dedicado à preservação da arte e também de espécies naturais de todo o mundo. Tudo anda junto e de maneira tão harmônica que a nossa impressão é de as obras de arte sempre estiveram lá. Idealizado em meados dos anos 80 pelo empresário mineiro Bernardo de Mello Paz, o Inhotim era uma área particular que aos poucos se transformou em um espetacular jardim botânico e um grandioso museu de arte contemporânea. São mais de vinte galerias dispostas em uma área verde com mais de 20 km². Tudo tomado por belos jardins. No caminho entre as galerias e jardins, obras de arte a céu aberto se juntam a flores, árvores e lagos que desenham o percursos dos visitantes.

Com programações variadas, espetáculos musicais e até grandes festivais, o Inhotim cada dia conquista mais admiradores e visitantes. Aos poucos, o Brasil está descobrindo que temos um museu digno dos melhores do mundo. E o mundo, que não é bobo, tem andado um bocado por lá! Não é raro encontrar estrangeiros encantados com a imensidão e com o acervo excepcional do Inhotim. Se alguma vez pensou em conhecer esse lugar, não mude de ideia! Apena vá!

fonte: melhoresdestinos.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *