Exposição do malinês Seydou Keïta é pedida para quem for para SP

Exposição do malinês Seydou Keïta é pedida para quem for para SP

Esse final de semana estava em SP, todo mundo sabe que a cidade ferve! Mil atrações, e eventos! Mas uma programação para quem for, não pode ficar de fora. Ir no Instituto Moreira Salles conferir a exposição de Keïta. Além de conhecer um espaço incrível localizado na Av. Paulista, você também pode conferir outras exposições localizada do prédio.

Ao longo da carreira, Seydou Keïta (1921-2001) produziu inúmeros retratos dos habitantes de seu país, o Mali. Em seu estúdio, localizado perto da estação ferroviária de Bamako, registrava as expressões, os vestuários e os gostos dos visitantes que passavam por lá. Realizadas entre 1948 e 1962, as imagens também mostram um período de transformação no Mali, quando o país caminhava rumo à independência, em 1960.

Um recorte dessa extensa produção será exibido na mostra Seydou Keïta, no IMS Paulista. A exposição reunirá 130 obras do fotógrafo, considerado um dos precursores dos retratos de estúdio na África. A curadoria é de Jacques Leenhardt, diretor da Escola de Altos Estudos em Ciências Sociais de Paris, e Samuel Titan Jr., coordenador executivo cultural do IMS.

A mostra inclui 48 tiragens vintage, em formato de 18 x 13 cm, ampliadas e comercializadas pelo próprio Keïta em Bamako, nenhuma delas jamais mostrada no Brasil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *